11 de jun de 2011

A pessoa que não é a certa


"Eu me apaixonei pela pessoa errada"

Sim. É com essa frase que o texto começa. Uma frase bastante dita, bastante ouvida, bastante vivida.
Um cupido bêbado, e dois corações. Pena, que ele só acertou o meu: Tudo nele me encantou. Até o jeito errado de ser. Inclusive o jeito errado de ser.
É uma coisa estranha quando nosso coraçã diz uma coisa, e nossa mente diz outra. POr que isso acontece? Por que é tão rotineiro?
Mesmo junto de você, ele está longe. Você sabe. Sabe inclusive que não vale a pena estar ali, com ele, com tantos outros lá fora.
De qualquer forma você tenta, ms se esquece que o coração não tem razão. Sofre, se desgasta, fica infeliz, mas quer estar ali.
Que tal esquecer?
Saia sem ele. Pare de procurar nas outras pessoas o que falta nele. Se divirta. Lembre que: por mais que você tenha se ligado a ele, vocês não nasceram ligados. Pense em você. O que ele faz que te entristesse? Faça um balanço: Se for mais de 50%  das coisas, se afaste. Se for menos, tente, e, apenas tente mudá-lo: Mas lembre-se que ninguém é obrigado a mudar por ninguém.
Por mais que lhe seje difícil, quando sair sozinha, ou com as amigas, tente esquecê-lo. Esquecer de forma que, faça o que fizer, não vai se sentir culpada.
Se depois de tudo isso, não conseguir superar: Converse com a pessoa, ou ele, e decidam, com calma, o melhor para os dois.
Lembre-se sempre que, às vezes o mehor é deixar ir. Se o amor for realmente verdadeiro, sua felicidade virá, quando a dele chegar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)