22 de jul de 2011

Um breve início, que ainda não teve fim


Acreditam em amor à primeira vista? Eu não acreditava até que a gente se viu. Eu acho que eu tive que voltar, por que, embora ela tivesse tido a mesma impressão, ela, an, tem vergonha. E começou assim:
- Oi.
-Oi.
-An, posso saber seu nome?
-Claro. Por que não? 
Ela respondeu com clara timidez
-Adrianna.
-Sempre achei esse nome lindo
Ela sem perceber, ficou com as bochechas vermelhas, e riu. Acho que foi aí. Exatamente nesse ponto que eu me apaixonei. E ela perguntou meu nome. Respondi. E, trocamos telefone. 
Dois dias depois, eu liguei. Nos encontramos, e um beijo aconteceu. Nos encontramos, e depois de novo. 
Não sei quando começamos a namorar. Acho que desde o primeiro beijo. E me lembro como se fosse ontem. Quando vi a primeira vez aqueles olhos escuros e únicos. Ainda não sei definir uma cor. Não sei por que.
Alguns dias se passaram, e, bem, espero que muitos se passem.
O fim da história? Não tem. Ainda não. E só espero que demore para um fim.
Querem saber? Quando tiver um fim, vou prometer que conto aqui. De alguma forma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)