19 de jul de 2011

Abre aspas: Será que vale a pena?


Há muitas decisões que tomamos e pessoas que conhecemos que com o passar do tempo nós nos damos conta que certas coisas já não estão nos fazendo bem. Mas por estarmos tão adaptados com aquele sentimento de incerteza acabamos recuando e deixando tudo como está.

Dar um certo medo de deixar para trás tudo aquilo que um dia acreditamos que fosse certo, bonito, e perfeito para nós. Seja um amor (ou quase amor), amigos, alguns sentimentos, pensamentos e tudo que em algum momento parecia ser tão bom, e que com o tempo só te fez mal.

Me sinto um pouco assim. E não sei muito bem o que fazer, nem o que dizer para ajudar aqueles que estão sentindo o mesmo. Me pergunto se vale a pena sofrer um pouco mais e tentar ajeitar as coisas ou me livrar daquilo que já não está mais me fazendo bem.

Compreendo que as pessoas e tão pouco os sentimentos são coisas descartáveis. Que quando não se quer mais você joga no lixo e pronto. E então eu vejo um outro lado da história. Talvez seja coisa da minha cabeça e que tudo não passa de um surto de sentimentalismo e que as coisas estão exatamente em seu lugar como sempre esteve ou eu acreditei que estaria.

O que está bagunçado são meus pensamentos e sentimentos.


E vocês já se sentiram assim ? Com uma necessidade de se livrar de algo que você tanto gosta ?
 Fecha aspas"
Quem escreveu:
Thyale Ferraz, baiana, 16 anos: Como muitas garotas eu precisava de alguma forma colocar para fora tudo o que sentia e tudo aquilo que eu pensava a respeito de diversos assuntos. E a partir daí veio a minha vontade de criar um blog (31/01/2010). Sem compromisso, e certamente aquela conta seria mais uma das inúmeras criadas mesmo que a minha vontade fosse contrária. E felizmente ou não, a minha vontade se realizou. Tal blog que de início chamava-se 15 anos cogitado, e logo depois veio a se chamar Além dos quinze, e recentemente passou a se chamar Como um refúgio.Nome o qual eu espero que seja fixo a partir de agora. Tais mudanças que aconteceram respectivamente com as minhas mudanças ao longo desse longo ou não período em que o blog existe. (1 ano e 3 meses). 
A Thyale escreve no Como um Refúgio, blog que de alguma forma conheci e adorei. Indico muito a visita :-)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)