6 de mar de 2012

Um tylenol... pra alma, por favor?



E com urgência. Aqui dentro dói demais, parece que até mais do que fisicamente. Aliás, dor física. Nunca mais senti. Confesso que trocaria essa dor interna por toda dor física. Acho que me doíria menos. Dói não saber de você, dói não saber de nós. Dói, principalmente saber que não tenho você. Nem por um pouquinho. 
Mas isso é dor que passa quando o coração acalma.
Andei pensando em outras dores: perdas, desilusões, agonias, e tudo mais. O que fazer nesses casos? Ansiedade: como dizer pra alma que está tudo bem? E vai ficando cada vez mais apertado, doendo cada vez mais. Se já inventaram remédio para todas as dores, por que esqueceram o da alma? Logo o da alma? Que faz tudo doer mais intensamente, profundamente? 
Alô cientistas, vamos pensar nisso?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)