11 de ago de 2012

ansiedade traduz.



Então, é. São quase 2 da manhã, e eu ainda não preguei os olhos. Então é. Imagino aqui uma noiva um dia antes de entrar na igreja. Não que esse seja meu caso. Pelo contrário. Mas, da semana retrasada para essa, parece um mês. Cadê aqueles dias que passavam rápidos que eu mal podia contar? 
Se foram quando descobri que ia ganhar um sonho. Finalmente minha T3. Para chamar de minha (ou nossa).  Sabe quando você percebe que seu esforço diário tá valendo a pena? Então.

Acho que comprar essa câmera, não é só um "mais uma "fotógrafa" no mundo." Desde quando me descobri apaixonada por fotografia, comecei a pesquisar e me interessar cada vez mais. Mas, apenas na teoria. Daí, ter uma ótima prática, e muito amor, vai acabar se tornando perfeito. Sem contar aquela história de poder dizer "minha". Sem parar pra pensar. É como para muitos o primeiro carro ou algo do tipo. Tá. Minha euforia tão cedo não vai passar, e, amanhã, em menos de 12 horas, vou finalmente ter minha tão sonhada câmera. Meu tão sonhado sonho. Vou dormir, ir para o curso e ouvir minhas músicas para ajudar o tempo a passar. E, é isso aí. Ah, quem sabe quando eu sair da loja, role um passeio pelo Centro. Já disse que amo muito andar por lá? *-* 

ps: vale levar uma caneta de CD pra fotografar um 'smile' em algum espelho?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)