14 de jun de 2013

the big love of my life...


Aos poucos você está sumindo na minha mente, se perdendo, sabe? Não sei se a minha pouca idade ajudou nisso - acredito que sim - mas o fato é: você está sumindo! Se escondendo por baixo de outras memórias que servem de cobertor - ou seria terra? - para você. 
As únicas coisas que estão restando são seus nomes, suas brincadeiras e palhaçadas. Só estão ficando apenas as coisas mais bonitas de você.
Mas calma, isso não quer dizer que eu estou te esquecendo: como já disse, suas melhores coisas ainda estão comigo, e vão ficar para sempre. A única coisa que está me incomodando é o fato de poder não te reconhecer se passar por você e saber que - por eu não ser mais aquela menininha boba e apaixonada de seis anos atrás - provavelmente você não me reconhecerá. 
Ai que saudade. Tem me batido uma certa nostalgia ultimamente, que nem eu consigo entender.
Mas sabe?! Vou ficar aqui me conformando de não ter mais suas feições comigo, e sendo feliz com as memórias que você me deixou. Com os sorrisos e gargalhadas. Com minha vermelhidão e sentimento de esperteza, achando que você não sabia que eu te encarava por um espelho retrovisor.
Quem sabe eu até pergunte por você para alguém - sei que tem alguém que te conhece - mas provavelmente, eu apenas te mantenha na minha mente.
Você deixou saudades. E ela bate mais ainda quando me lembro que "o grande amor da sua vida sou eu" e de como me derreti - sem querer demonstrar -  com isso.
Você era só você e isso foi o suficiente. Espero que esteja bem, meu primeiro amor.

*origem da foto, no link contido nela :)

Facebook | Instagram | Skoob | Portfólio

2 comentários:

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)