9 de jun de 2011

circunstâncias.


Não some assim, que me deixa aflita. Não desaparece, que me entristece. Apenas me diga, o que pensa, e o que realmente sente. Não é culpa minha. Eu só não posso. Mesmo querendo. São coisas que acontecem. Mais cedo ou mais tarde. Me desculpa. Não quero fazer sofrer. Mas também não quero sofrer. Te peço apenas pra entender: o tempo passa, o mundo dá voltas. Quem sabe um dia.
Amizade. Nada mais. Não vai fazer mal. Quero além do virtual. Mas não é sempre que posso. Está tão frio, e ainda tem aquelas chatas obrigações. Não me leva a mal. São só as circunstâncias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?
Comenta e volte sempre que quiser :)